Pular para o conteúdo principal

Postagens

10 benefícios da leitura

Na minha opinião muito suspeita, ler é uma das melhores coisas da vida,  não há contra indicações, quando se lê você nunca estará sozinho, a leitura engrandece o espirito, estimula a criatividade, é relaxante, distrai a mente de problemas cotidianos, melhora seu desempenho linguístico e gramatical, de forma geral ajuda na escrita, eu vejo apenas benefícios na leitura, mas tome cuidado ler pode ser altamente viciante kkkk!

Você pode estar perdendo benefícios que poderiam te ajudar apenas tendo o hábito de ler! Leia 10 vários benefícios que você pode ter com uma leitura regularmente.

1 – Exercício Mental
Atividades como leitura podem diminuir o risco de desenvolver o Alzheimer em cerca de 30%, diz pesquisa. Manter o cérebro ativo e trabalhando previne a perda de força, pois o cérebro é como qualquer outro músculo do corpo e requer exercícios para manter-se forte e saudável. Jogos e caça-palavras, por exemplo, são outros ótimos exercícios mentais.

2 – Diminui o Stress
Apesar de todos os probl…
Postagens recentes

Carta ao tempo

Quem já assistiu "Beleza Oculta" com o Will Smith pode recordar das cartas ao amor, ao tempo e à morte. Por inspiração desse filme me foi pedido uma carta ao tempo, e eu fiz. Hoje, depois de alguns meses a reencontrei perdida em um lugar que não fazia jus à sua escrita, afinal, tudo o que representa o que o sentimento humano pode sentir deve ser exposto para almas nobres. Compartilho com vocês então um pouco do meu mundo infinito e apaixonado. Espero que gostem, e que possa escrever uma também! O tempo não espera!

Busquei tantas vezes te parar, te acelerar, te pausar; ignorância ou ingenuidade de minha parte? Logo com você, dono da verdade imutável, da paciência infinita. Hoje, não me prendo mais à você pelo desejo de controle, mas por um sonho íntimo de encontrar respostas.
A sua onipresença, faz ser dito por lugares cotidianos ideias a seu respeito; mas quantas delas são baseadas em uma reflexão de sabedoria e conhecimento? Ouço que você pode afastar seres amados, agredir tr…

Resenha Eleanor e Park

Este é sem duvidas o livro mais fofo que eu já li na vida, mas também é divertido, sarcástico uma historia narrada com realismo,  a trama desenvolve o romance de um jovem casal na adolescência, de uma maneira nada clichê a autora Rainbow Rowell aborda temas polêmicos como pobreza, preconceito racial, bullying e abuso físico e moral. O que mais achei interessante é o elance amoroso acima do preconceito, acima das aparências, o que importa na verdade é o que somos, este livro é maravilhoso porque nos faz refletir sobre o essencial. Sobre o final do livro dizem por ai que é decepcionante, mas já estou acostumada com estes finais já  li muitos livros de Érico Veríssimo e ele sempre nos deixa a margem do que irá acontecer, mas um lado bom do final deste livro é a esperança, a autora dá esperança ao jovem casal, um consolo para nós leitores.
"Eleanor & Park é engraçado, triste, sarcástico, sincero e, acima de tudo, geek. Os personagens que dão título ao livro são dois jovens vizinho…

Resenha - Beauty of Darkness

Depois de muito tempo de espera e muita ansiedade para saber o desfecho dessa saga, eu enfim li o ultimo livro das Crônicas de Amor e Ódio, li algumas resenhas depois que terminei de ler o livro, outros blogueiro falaram de ter medo de se decepcionar com o final, eu nunca tive esse medo de decepção, quando li o segundo livro eu sabia que o desfecho da história seria grandioso, a escritora Mary E. Pearson nos preparou para isso, e eu esperei ansiosamente e vibrei a cada pagina com antecipação para a final.
Tenho que dizer que Lia é uma personagem incrível, fazendo o papel feminino mais forte da trama, uma verdadeira guerreira, fugindo de todos os esteriótipos de princesa, foi maravilhoso acompanhar o crescimento e o amadurecimento da personagem.

"A triogia Crônicas de Amor e Ódio chega ao fim de maneira arrasadora. A história de Lia inspirou muitos leitores a embarcarem em uma jornada extraordinária repleta de ação, romance, mistérios e autoconhecimento, em um universo deslumbrante…

Museu Van Gogh

Nesta postagem o assunto é arte, vamos falar sobre Vincent van Gogh, curiosamente minha colega de serviço visitou o museu Van Gogh em Amsterdam, ela comprou alguns souvenirs, entre eles uma belíssima caixa de chocolate, onde cada pequena barra é uma das mais famosas obras do pintor. Então tive a ideia de falar sobre o tema aqui no blog, pois este blog é onde as ideias fluem.  Vincent Van Gogh
Vincent Willem van Gogh nasceu em 1853 em Zundert, na Holanda. O pintor pós-impressionista teve uma vida dividida entre angústias e desequilíbrio mental, sempre expondo seu sofrimento em seus quadros. Em um ato de automutilação, Vincent cortou sua orelha e se auto-retratou. Em 1890, faleceu após cometer suicídio. Ao longo de sua curta vida (37 anos), o artista pintou mais de 2.100 obras de arte e ganhou fama mundial após uma exposição póstuma em Paris, no ano de 1901.
Museu Van Gogh

O Museu Van Gogh é uma parada obrigatória para quem visita Amsterdam. A cidade dos canais, das flores e das bicicl…

Desejo - Victor Hugo

Quando o escritor Victor Hugo é mencionado é comum a associação do artista com a obra "os miseráveis". Mas o que poucos sabem é que Victor produziu um belíssimo poema de nome "Desejo". Sabe a música "Amor pra recomeçar" do Frejat, pois bem, ao ler o poema abaixo você descobrir em que ela foi inspirada. Aproveite!


Desejo
Desejo primeiro que você ame, E que amando, também seja amado. E que se não for, seja breve em esquecer. E que esquecendo, não guarde mágoa. Desejo, pois, que não seja assim, Mas se for, saiba ser sem desesperar.
Desejo também que tenha amigos, Que mesmo maus e inconsequentes, Sejam corajosos e fiéis, E que pelo menos num deles Você possa confiar sem duvidar. E porque a vida é assim, Desejo ainda que você tenha inimigos. Nem muitos, nem poucos, Mas na medida exata para que, algumas vezes, Você se interpele a respeito De suas próprias certezas. E que entre eles, haja pelo menos um que seja justo, Para que você não se sinta demasiado seguro.
Desejo depois que vo…

Haikai/ Hokku/ Haiku

Nesta tarde de domingo, para começar bem a semana Mosaico de Ideias oferece a vocês hoje alguns Haikai (tambem conhecidos como Hokku ou Haiku). São pequenos poemas japoneses constituidos de apenas 3 frases. Este estilo surgiu no século XVI e desde então se propagou para o restante do globo. Simples e práticos, os Haikais fará de você, sem dúvida alguma um individuo mais atento às singularidades do cotidiano. Separamos três autores: Os japoneses Bashô e Kobayashi Issa, e o talentoso brasileiro Millôr Fernandes

-Bashô



A nuvem atenua O cansaço das pessoas Olharem a lua




Em cima da neve  O corvo esta manhã Pousou bem leve


-Issa



Roubaram a carteira  Do imbecil que olhava A cerejeira



Eu vi meu retrato Bem no fundo do lago Diz o olhar do pato



- Millôr Fernandes



Olha, Entre um pingo e outro A chuva não molha.


Morta no chão  A sombra É uma comparação


Pavão doente                                                   Morre no céu 
O sol poente


À nossa vida A morte alheia  Dá outra partida...

O Mercador de Veneza - Shakespeare

Nem que eu usasse todos os adjetivos da língua portuguesa eu não conseguiria descrever a grandiosidade das obras shakespearianas, O Mercador de Veneza não é exceção; afinal, Shakespeare é Shakespeare. Vamos à obra!    Quando a li, estava relendo Romeu e Julieta, ou seja, as duas leituras estavam sendo apreciadas ao mesmo tempo. Entretanto, como já conhecia a história de Romeu e Julieta (há alguém que não conheça?) a minha curiosidade era redobrada para O Mercador de Veneza. E se eu tivesse que usar uma palavra para definir esse livro seria: REFLEXÃO.  Os livros do escritor inglês são fontes de muito conhecimento e ideias inspiradoras, mas hoje aqui, no Mosaico de Livro quero trabalhar uma especial com vocês: JUSTIÇA.  Vou dar-lhes uma breve apresentação da história.  Antônio, um mercador de Veneza (?) é o "avalista" de Bassânio em um empréstimo de dinheiro para que este pudesse se casar com Pórcia, uma rica herdeira. O dinheiro é emprestado por Shylock, um mercador judeu. A hist…

Para onde foi o tempo ?

Tempo, para onde foi o tempo, as vezes parece realmente que o tempo voa, na atualidade não temos tempo para nada, estamos tão atarefados que nem vemos o tempo passar, ficamos estressados com tarefas acumuladas e nada de lazer, necessitamos tirar um tempo para nós mesmos fazer o que gostamos, mas a pergunta é onde vou arrumar tempo ? Pois bem vou te dizer que o dia tem 24 horas para todos, o tempo esta lá o que muda é a rotina e as prioridades de cada um, priorize seu tempo, reorganize suas tarefas e assim terá tempo para outras coisas que realmente importam, ao fazer isso sua produtividade aumentará além de evitar o estresse e a ansiedade.
Dicas:
Não gaste tanto tempo nas redes sociais, pois as redes sociais sugaram milhares de segundos do seu dia.Não desperdice tempo com banalidades praticando atitudes que não vai acrescentar você como pessoa.20 Dicas para aproveitar o tempo
Einstein é que tinha razão ao dizer que a falta de tempo é uma desculpa dos que perdem tempo por falta de método?

A…

Resenha - O Perfume da Folha de Chá

Olá queridos leitores, terminei de ler este livro maravilhoso, a muito tempo estou esperando para ler eu tinha certeza que seria uma boa leitura,  o nome do livro me encantou me pareceu tão poético, a capa é simplesmente linda, foi amor a primeira vista.
O leitura foi intrigante e surpreendente, desde as primeiras paginas fiquei cheia de expectativas, os primeiros capítulos me prenderam na leitura eu não consegui mais parar de ler, cresceu em mim uma necessidade frenética para descobrir os segredos dos personagens e o desfecho dessa bela história, que envolve amor e preconceito. A narrativa é fantástica, a autora nos transporta para os anos vinte, no inicio da revolução feminina tanto social quanto cultural, a história se passa no Ceilão, em uma fazenda que cultiva chá, o preconceito racial é fonte constante de conflito entre os produtores de chás ingleses e a população nativa que trabalham em condições desumanas, praticamente uma escravidão.
Em 1925, a jovem Gwendolyn Hooper parte de…

Resenha - A Rebelde do Deserto

Olá leitores do Mosaico,  o livro de hoje é A rebelde do Deserto, depois de ler A Rosa e a Adaga fiquei empolgada para ler outro livro sobre uma jovem do deserto, no entanto este livro é diferente, primeiro pela história fantasiosa e utópica, a história é envolvente e cativante, amei os primeiro capítulos foi o que me prendeu na leitura. A personagem principal é rebelde e destemida, mas também infantil e teimosa, por outro lado ela lutou por sua liberdade por seus sonhos, para se livrar de uma família bruta e machista.
Um ponto interessante da narrativa foi a critica social, a escritora criou uma cultura machista semelhante a cultura do oriente médio, onde mulheres não tem voz, são apenas objetos para os homens.
O deserto de Miraji é governado por mortais, mas criaturas míticas rondam as áreas mais selvagens e remotas, e há boatos de que, em algum lugar, os djinnis ainda praticam magia. De toda maneira, para os humanos o deserto é um lugar impiedoso, principalmente se você é pobre, ór…

O amor na arte - Nidhi Chanani

Que amar é uma arte a maioria de nós já sabe, mas o que a artista indiana Nidhi Chanani fez sobre isto é incrível, ela é a dona de incríveis desenhos que retratam o tema "amor". As cores vivas e coloridas são características de sua artes; que por sinal é uma ótima estratégia, pois é impossivel não se apaixonar pelo seu trabalho, comprove:








Seus principais trabalhos retratam o amor entre enamorados, mas é possível encontrar outros que envolvam natureza e simplicidade, como estes: 






Há grande acervo de imagens no Google onde você pode fazer os downloads das imagens,  mas também é possível comprar pelo site: http://everydayloveart.com
Aproveite o final de semana para se apaixonar pelas obras desta indiana e se inspirar, até o próximo post!